Rios Goianos: jornalismo ambiental com DNA goiano

GOIÁS E SEUS BANDOS DE CALHORDAS!

PF cumpriu diversos mandados de busca e apreensão em Goiás Foto Vitor Santana G1  PF cumpriu diversos mandados de busca e apreensão em Goiás Foto Vitor Santana G1

                         Bom dia goianos!

Na realidade esse dia não está começando muito bem não. Ontem tivemos dois acontecimentos de grande gravidade aqui em Goiânia, o primeiro foi a prisão do presidente da Saneago José Taveira Rocha, junto com outros funcionários e colaboradores da empresa, teve também a prisão do presidente regional do PSDB Afrêni Gonçalves. E o outro fato gravíssimo foi mais um pedido de socorro feito pelo delegado titular da DEMA (Delegacia Estadual de Meio Ambiente), doutor Luziano de Carvalho, a favor do Rio Araguaia. A princípio não se vê nenhuma ligação direta entre esses dois fatos, mas ela existe! Graças a situações como essas é que o Rio Araguaia e o Rio Meia Ponte estão morrendo, Vamos aos fatos:

                             Ânsia de Vômito!

Em relação ao Rio Araguaia é de dar vômito, saber que até hoje a Secima que recentemente já foi Agência Ambiental e Semarh (como se troca o nome desse órgão! Será por quê?), ainda liberam licenças para desmatamento em vários municípios de Goiás! Mas a resposta para isso é simples, a corrupção se alastrou nesse órgão de uma forma tão profunda que apesar das mudanças de nomes, regime e de gestão, não é possível acabar com ela! O universo inteiro sabe que o desmatamento é ZERO, menos a Secima seus técnicos e funcionários. Mas com certeza o presidente da Secima o senhor Vilmar da Silva Rocha, está com sua equipe planejando algo.

                             Cadê a comunicação!

Este é o famoso e verdadeiro samba do crioulo doido, enquanto a equipe da DEMA se mata tentando salvar os Rios Goianos, a Secima por sua vez se esbalda liberando licenças para desmatamento para quem quiser, ou melhor, der uma gorjeta! O surrealismo é tremendo, como pode um Governo Estadual ter uma comunicação tão sem comunicação assim? O que se vê é a DEMA se desdobrando para fiscalizar e punir esses calhordas que agridem o meio ambiente e, a Secima fazendo justamente o oposto apoiando esses calhordas!  E depois de tudo isso ainda tem a cara de pau de dizer que trabalham em prol do meio ambiente em Goiás, é de doer!

 

                               Cadeia neles!

O Ministério Público de Goiás tem é que prender essa quadrilha que se instalou na Secima e tem que ser rápido, pois corremos o sério risco de perdemos definitivamente o Rio Araguaia e o Rio Meia Ponte, de uma hora para outra.

                               R$ 140.000,000,00

Agora vamos unir os fatos! A prisão do presidente da Saneago José Taveira Rocha, revela mais um fio da trama, é sabido e notório que o Rio Meia Ponte está morrendo, e é sabido e notório que a Saneago é a maior poluidora do Meia Ponte, pois nunca tem verba suficiente para realizar obras estruturais e definitivas para o tratamento de esgotos domésticos. A ETE por sua vez é um tremendo elefante branco que não faz nem a metade do tratamento básico de esgoto jogado no Meia Ponte, sua capacidade de tratamento já foi várias vezes questionada e, até agora nada foi feito para resolver a situação. A ANEEL (Agência Nacional de Energia Elétrica), pasmem! Repassa para o COBAMP (Comitê de Bacia do Rio Meia Ponte), por ano R$ 140.000,000,00  de reais em Royalties da Usina do Rochedo, no Rio Meia Ponte, agora adivinha quem fica com esses milhões? Isso mesmo o Governo de Goiás através da Secima, e agora me diz para onde vão esses milhões? Esse valor milionário deveria estar sendo investido nas obras intermináveis do Meia Ponte, porém isso não acontece, graças a essa quadrilha de crápulas que reinam na Secima e Saneago. Graças a esses bandos de calhordas é que estamos destinando á morte nossos rios e ás futuras gerações goianas!!!

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Secured By miniOrange